FAZENDO ACONTECER

 

Assuntos polêmicos, tratados de forma curta, e com grandes nomes do cinema a da televisão nacional. É assim que o grupo de alunos da Unisinos, ao qual viemos falando, vem realizando um dos projetos de cinema acadêmico de maior prestígio do sul do pais.

ALUNOS GRAVANDO NA LAGOA DOS BARROS

ALUNOS GRAVANDO NA LAGOA DOS BARROS

Existe curiosidade por parte de muita gente, em como tais alunos, conseguem viabilizar seu projeto em cinema, em um momento em que a comunidade cinematográfica brasileira, numa posição de unidade nacional, manifesta sua preocupação com a grave situação da atividade cinematográfica, que afeta todos os setores e que, há anos ameaça a continuidade do nosso cinema independente.

Ao mesmo tempo, o filme de curta-metragem, além da sua função na formação de mão-de-obra e descoberta de novos talentos, possui uma comprovada comunicabilidade com o público, em especial com o público jovem, tornando-o assim, uma peça fundamental para formar novas platéias para o cinema brasileiro.

ALUNOS GRAVANDO NO RIO DE JANEIRO

ALUNOS GRAVANDO NO RIO DE JANEIRO

Para Marta Lisboa, aluna de jornalismo da Unisinos e integrante do grupo que faz cinema na Universidade, a falta de dinheiro e falta de equipamentos exigem dos realizadores universitários uma capacidade de ter jogo de cintura e se virar com o que é possível, criando uma necessidade de inventividade muito grande.

“Não quero dizer, com isso, que os problemas sejam, no final, positivos, mas me faz pensar no quanto aprendemos com eles e o quanto não poderíamos fazer se pudéssemos contar com melhores condições de produção,” comenta Marta.

Até porque, um fator balizador e importante para a produção no meio universitário é a liberdade de realização. E essa liberdade é importante não só pela pluralidade de filmes resultantes, mas também pela faceta de laboratório audiovisual que um curso de comunicação deve ter. Certamente os erros, acertos e aprimoramentos fazem parte do aprendizado.

Veja abaixo o depoimento na íntegra da aluna:

[YOUTUBE=http://www.youtube.com/watch?v=6q8uU9dTlaQ&feature=channel_page]

Marta Lisboa enfatiza a falta de apoio da Universidade, relacionada ao não-financiamento de projetos especiais em audiovisual e a não-disponibilização de equipamentos para esses mesmos projetos. Tendo os alunos que correr atrás de apoio, financiamentos, e equipamentos, fora da UNISINOS.

PRODUÇÃO INDEPENDENTE NACIONAL

O fato é que no geral, o momento se caracteriza muito pela paralisação da produção independente, pelo descontrole dos mecanismos de mercado, pela falta de informações a respeito da própria realidade do mercado cinematográfico, pela ausência sistemática do cinema brasileiro nas telas da TV e pelo esgotamento dos mecanismos atuais das leis de incentivo e distribuição.

O Cinema Brasileiro existe, está implantado em sua forma industrial e já demonstrou sua capacidade de produção e criatividade, como uma forma indispensável de expressão nacional. Segundo o site sindcine, atualmente mais de 90% do mercado brasileiro de salas de cinema é ocupado pelo filme estrangeiro. O setor cinematográfico e o próprio governo federal estipularam atingir a meta de 20% de ocupação do mercado para filmes brasileiros, mas não foram tomadas medidas efetivas para viabilizar esta meta.

Há dificuldade na captação de recursos para a preservação, pois em geral os patrocinadores se interessam por filmes “notáveis”, mas é fundamental a preservação da filmografia brasileira em seu conjunto, enquanto memória e documento histórico.

Importante também é a formação do público no processo de desenvolvimento da atividade, destacando-se o essencial papel dos festivais numa ação integrada aos processos de produção, distribuição, exibição e difusão.

Nossos alunos não se deixam intimidar pelo “mau momento” e seguem em frente, com seus ideais e objetivos, por que a única coisa que realmente importa para essa galera é aproveitar o momento de Universidade para experimentar o cinema.

Abaixo, seguem depoimentos de três artistas que fizeram parte do projeto dos alunos, seguido de dois grandes cineastas do pais:

[YOUTUBE=http://www.youtube.com/watch?v=JUj-vc-ISO8]

Advertisements

~ por pf em Abril 2, 2009.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: